Arius passa a integrar o movimento Arredondar

A parceria da Arius com o Arredondar funciona da seguinte forma: quando o cliente é direcionado ao pagamento de sua compra, ele é convidado pelo estabelecimento a arredondar o valor total; dessa forma, uma compra de R$18,80, por exemplo, vira R$19,00 e os 20 centavos serão doados para as ONGs que participam do movimento.

Além de todo um acompanhamento jurídico e contábil sobre as doações, a tecnologia do Arredondar possibilita, ainda, acompanhar o fluxo da arrecadação e gera relatórios específicos para as lojas parceiras.

SEM TAXA DE ADESÃO AO LOJISTA

O Arredondar é um movimento sem fins lucrativos e não possui taxa de adesão aos parceiros e estabelecimentos que estão vinculados à instituição. Materiais são disponibilizados para informar tudo o que é necessário quanto ao alinhamento contábil, e treinamentos e ações de engajamento do público interno também são realizados.

“Apresentamos um relatório de atividades, com transparência, sinalizando o que é feito com o dinheiro que está sendo doado. Não temos nenhuma taxa e mensalidade para novos parceiros. A proposta é que a empresa abra o canal de venda para transformar a experiência de compra em uma experiência solidária”, explica Beatriz Bouskela, Diretora Executiva do Arredondar.

A PARCERIA 

Para a Arius, fazer parte deste movimento é uma grande satisfação. “Buscamos usar a tecnologia como um bem para a população. O movimento Arredondar vai ao encontro deste propósito, apoiando diferentes causas que recebem as microdoações. É uma forma de engajarmos pessoas que ainda não sabem por onde começar a doar”, diz Rodrigo Scarpante, gestor de parcerias da Arius.

O Quitanda é um dos varejos que já utilizam o sistema do Arredondar integrado na solução da Arius Sistemas. A tecnologia é utilizada para, de fato, gerar impacto e a Arius, ao se envolver diretamente com o movimento, percebeu que poderia fazer a diferença. “Ter o varejo como um canal de transformação é incrível. Uma compra que poderia ser considerada simples se torna uma verdadeira experiência solidária. É uma iniciativa que precisa ser cada vez mais disseminada entre estabelecimentos no país”, comenta Rodrigo Scarpante.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.